Atiaia Renováveis concluiu sua primeira emissão de debêntures verdes. O que isso significa?

A Atiaia Renováveis concluiu em março a sua primeira emissão de debêntures verdes para investimentos em novos parques de energias renováveis, incluindo alguns que já estão em construção. A ação, em parceria com o Bradesco BBI e por meio de sua subsidiária Rio Verde Energia, obteve um crédito de R$ 120 milhões em títulos de renda fixa. Mas o que isso significa?

As debêntures verdes, ou os green bonds, são destinados a empreendimentos que proporcionam impactos ambientais ou sociais positivos ao meio ambiente. A emissão é caracterizada como “verde” em razão da aderência aos critérios de elegibilidade e princípios de green bonds da ICMA, sigla em inglês da Associação Internacional de Mercado de Capitais. Nesse caso, os valores obtidos com a operação permitirão à Atiaia dar sequência ao desenvolvimento de novas plantas de energia limpa.

Os compromissos assumidos pela Atiaia Renováveis para essa operação vão privilegiar os projetos elegíveis, com monitoramento anual das emissões de gases de efeito estufa (GEE) reduzidos, uma vez que traz em seu propósito ser um agente de transformação sustentável dos negócios de seus clientes e da vida das comunidades em que atua.

O que é economia de baixo carbono? Confira aqui

Além da diversificação de fontes de energias renováveis, a Atiaia também contribui para uma economia de baixo carbono e para a transição energética brasileira, atenuando os efeitos das mudanças climáticas. A empresa também adota medidas ecologicamente sustentáveis, como a gestão de resíduos sólidos, o monitoramento dos recursos hídricos e de áreas de preservação permanentes, entre outras. Atua também para promover o bem-estar das pessoas no ambiente de trabalho e gerar impacto positivo nos lugares em que opera, viabilizando ações que fomentem melhorias sociais e ambientais nessas regiões.

Data da publicação: Julho/2023 

Compartilhe!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Deixe seu comentário!

{{ reviewsTotal }}{{ options.labels.singularReviewCountLabel }}
{{ reviewsTotal }}{{ options.labels.pluralReviewCountLabel }}
{{ options.labels.newReviewButton }}
{{ userData.canReview.message }}

O que é a autoprodução de energia?

Conheça a Agenda 30 e os 17 ODS da ONU